© Sérgio Ricciuto Conte
A Missão Paz é uma instituição filantrópica de apoio e acolhimento a imigrantes e refugiados. Sua história se inicia nos anos 1930, pelos Missionários de São Carlos (Scalabrinianos) e se renova permanentemente, com um trabalho completo de acolhida integral aos migrantes.
A estrutura de acolhimento, Casa do Migrante,  possui 110 vagas com alimentação completa. Além disso, a Missão Paz oferece serviços gratuitos de documentação; apoio jurídico; assistência social; atendimento psicológico e de saúde; educacional, com cursos de português, palestras interculturais e encaminhamento para cursos profissionalizantes; mediação de trabalho, com visitas posteriores de acompanhamento nas empresas; prevenção de trabalho escravo, acolhida e proteção das vítimas.
Possui o Centro de Estudos Migratórios (CEM) com biblioteca especializada, publicação da Revista TRAVESSIA, grupos de estudo, cursos à distância e assessorias. Promove campanhas de sensibilização e atua fortemente com incidência política nas esferas municipal, estadual e federal para a mudança do marco legal nacional e o fortalecimento de políticas migratórias baseadas nos direitos humanos e protagonismo dos migrantes.
A Missão Paz é membro da Scalabrini International Migration Network – SIMN.

Missão

Acolher os migrantes, os imigrantes  e os refugiados, entendendo a história, respeitando a identidade, visando a integração e o protagonismo de cada um deles no novo contexto social e promover políticas públicas e o acesso à direitos, através do diálogo com as diferentes esferas nacionais e internacionais, baseados no carisma Scalabriniano.

Visão

Contribuir para a construção de um mundo mais justo e solidário, onde o imigrante e refugiado tenha seus direitos garantidos, almejando uma cidadania universal.

Valores

Direitos humanos;

Protagonismo;

Acolhida integral;

Integração;

Mediação Intercultural;

Diálogo ecumênico e interreligioso;

Proteção aos migrantes vítimas do tráfico ou trabalho escravo;

Valorização da história pessoas e identidade cultural;

Responsabilidade para cumprir os compromissos assumidos;

Cooperação e parcerias para objetivos em comum;

Construção compartilhada de aprendizados e conhecimentos.